Desporto

Rúben Guerreiro faz história e vence a Camisola da Montanha no Giro de Itália

Nunca um ciclista português tinha conquistado uma camisola numa das três grandes voltas, tal como fez hoje Rúben Guerreiro.

publicidade

É o fim do Giro de Itália e mais um dia histórico para o ciclismo português: Rúben Guerreiro venceu a camisola da montanha e João Almeida terminou a competição na quarta posição.

Nunca um ciclista português tinha conquistado uma camisola numa das três grandes voltas, tal como fez hoje Rúben Guerreiro. Venceu oito contagens de montanha, três de primeira, três de segunda, uma de terceira e uma de quarta.

Além disso, o ciclista nascido no Montijo foi vencedor de uma etapa (algo que não acontecia desde 1989 entre portugueses) e somou 234 pontos para a classificação da montanha, mais 77 do que o segundo classificado desta categoria, Tao Geoghegan Hart.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui