AtualidadeSeixal

‘Rezem à vossa maneira’ em memória das duas vítimas de homicídio

- publicidade -

No dia 4 de Fevereiro completam-se dois anos sobre um crime que chocou o país, quando Pedro Henriques assassinou a sogra com duas facadas na Amora e durante 24 horas transportou a filha de dois anos no carro, onde foi encontrada sem vida junto à Escola Secundária João de Barros, em Corroios, acabando por se suicidar na casa dos pais, em Castanheira de Pera.

Sandra Cristina, mãe da pequenina Lara e filha de Helena Cabrita, as duas vítimas do seu ex-companheiro, deixou nas redes sociais um apelo para homenagear a memória de ambas.

«No dia 4 de Fevereiro faz 2 anos que o pesadelo eterno entrou na minha vida e no dia 5 confirmou-se que o melhor de mim partira do plano terrestre.

A minha relação com a religião é essencialmente de respeito. Muita coisa não compreendo, noutras sinto falta de coerência, mas acima de tudo acredito na existência das almas e na sua necessidade de paz.

Mais importante do que frequentar uma igreja está a nossa conduta, o respeito por nós próprios e pelo próximo, o espírito de entreajuda, solidariedade e empatia.»

Após estes comentários, Sandra Cristina deixa um pedido «que na próxima 6ª feira, dia 5 de Fevereiro, pelas 19h00 rezem à vossa maneira, do modo como sabem, como acreditam ou como sentem que faça sentido.

No conforto do vosso lar a pensar na minha mãe e na minha princesa, para receberem todo o carinho e amor. Elas passaram a ser um pouco de cada um de vós que ficou de coração apertado.»

Sandra Cristina agradece também publicamente «ao Sr. Padre Geraldo por saber respeitar o meu modo de pensar, por manifestar o seu ponto de vista sem o impor e por também conseguir ter uma visão realista» e ainda «a todos os que sabem que têm feito a diferença pela positiva na minha vida e me têm ajudado a caminhar. Um obrigada muito especial ao meu Papi que me surpreende dia após dia.

Amar nem sempre é estar perto, é viver dentro do coração.»

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui