DestaqueDistritoLisboa
Em Destaque

Restaurante que se recusou a parar foi encerrado pela PSP

Proprietário alegou estar a funcionar ao abrigo do direito de resistência, previsto na Constituição.

- publicidade -

O restaurante “Lapo”, situado na rua Maria Saldanha, em Lisboa, que se negou a fechar portas devido às novas regras do Estado de Emergência em vigor desde a meia-noite de sexta-feira, foi encerrado pela PSP.

A ação de fiscalização da Polícia de Segurança Pública detetou a irregularidade. No local, os agentes constataram que o espaço estava a funcionar com clientes no interior e determinaram o encerramento do estabelecimento. Segundo a PSP, o proprietário alegou estar a funcionar ao abrigo do direito de resistência previsto na Constituição.

tarot terapêutico

Após a ordem da PSP, o proprietário, António Guerreiro, acabou por cumprir e por evacuar o restaurante, tendo ainda sido alvo de um auto de contraordenação.

Veja o comunicado do estabelecimento, emitido no dia 14 de janeiro.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui