DestaqueSetúbal

Requerimento exige Assembleia Extraordinária para destituir direção do Vitória de Setúbal

publicidade

Um grupo de associados do Vitória Futebol Clube está a recolher assinaturas num requerimento que pede uma Assembleia Geral para destituição da direcção actual.

O documento é dirigido a Nuno Guerreiro, presidente da Mesa da Assembleia Geral do Vitória Futebol Clube e foi lançado esta segunda-feira.

No requerimento o actual presidente Paulo Rodrigues é acusado de incumprimento das promessas que fez antes do acto eleitoral, sobre o qual já passaram quinze dias e os signatários acusam ainda o presidente de «governar o clube à revelia do programa de mandato proposto» e de não dar cumprimento às promessa, e ainda de que «os seus actos e conduta não estão à altura de devolver o Clube a uma posição consentânea com os seus quase 110 anos de história  ao serviço de Setúbal e do país».

Por estes motivos os sócios signatários solicitam a convocatória «com carácter de urgência, de uma Assembleia Geral Extraordinária de carácter deliberativo e tendo como único ponto «a destituição da Direção do VFC».

Nota: na partilha inicial, era indicado que o documento estava disponível na sede do São Domingos FC, no entanto Miguel Aleixo (Presidente do São Domingos FC), esclarece que «não está nenhum documento na Sede Social do Clube, para recolha de assinaturas, apenas passou sim pela nossa Sede, onde alguns sócios do Vitória assinaram, outros não, e foi levado pelo mesmo sócio que o fez chegar inicialmente».

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui