Parceiros
Política

Reino Unido congela fortuna de Abramovich e suspende venda do Chelsea por ligações a Putin

- publicidade -

Roman Abramovich, juntamente com outros seus indivíduos, recebeu sanções do Governo do Reino Unido pela ligação ao regime de Vladimir Putin.

Assim, Roman Abramovich fica com a fortuna de 15 mil milhões de libras esterlinas em ativos congelada e proibido de viajar.

A lista contempla ainda Oleg Deripaska (sócio da En+ Group), Igor Sechin, CEO da Rosneft ou Andrey Kostin, chairman do VTB bank.

As sanções contemplam ainda a proibição de venda Chelsea, bem como da venda de mais bilhetes até ao fim da temporada ou de artigos de “merchandising”.

“As sanções de hoje são o último passo no apoio inabalável do Reino Unido ao povo ucraniano. Seremos implacáveis na perseguição daqueles que permitem a morte de civis, a destruição de hospitais e a ocupação ilegal de aliados soberanos”, rematou o primeiro-ministro, Boris Johnson.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário