Parceiros
Atualidade

Refugiados afegãos continuam a ser recebidos em Portugal a par com ucranianos

- publicidade -

A ministra de Estado e da Presidência garante que Portugal continuará de portas abertas para receber refugiados afegãos, revelando que chegaram oito pessoas no fim de semana, mas salientando a dificuldade na viagem a partir do Afeganistão

Mariana Vieira da Silva referiu à Lusa que o trabalho de identificação e resgate de cidadãos afegãos «não tem parado», mas salientou que se trata de um processo mais complexo em termos de viagens do que o que se passa com os cidadãos ucranianos que têm chegado a Portugal.

«O trabalho não tem parado e todas as semanas temos recebido não apenas os cidadãos ucranianos que escolheram vir para Portugal em função da situação que vivem, mas também por exemplo cidadãos afegãos», disse a ministra, adiantando que no fim de semana chegou um grupo de oito pessoas.

A ministra garantiu ainda que a situação dos refugiados no país tem sido tratada de forma igual nas medidas de apoio e proteção aos refugiados ucranianos, desde a identificação das pessoas, à sinalização de soluções de habitação, passando pela integração nas escolas ou por respostas em matéria de saúde, nomeadamente pela vacinação.

«Durante o mês de agosto e setembro [de 2021], quando da crise do Afeganistão, tomámos este mesmo tipo de medidas, recebemos e disponibilizamos a nossa capacidade de alojamento e de integração.

Aquilo que acontece é que agora falamos de números que não comparam com nenhuma situação que a Europa tenha vivido», justificou, salientando ainda como «bom sinal o facto de agora todos abrirem as portas.»


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário