CrimeMoita

Reformado por invalidez fica em prisão preventiva após roubo por esticão

- publicidade -

Um homem de 36 anos de idade foi hoje presente a Tribunal, após ter sido detido por um crime de roubo.

Os factos ocorreram na Baixa da Banheira, na tarde de 20 de abril, quando o arguido terá abordado a vítima e lhe arrancou usando da força, um fio de ouro que esta trazia ao pescoço.

O arguido está reformado por invalidez, e já tem antecedentes criminais pela prática do crime de roubo, com duas condenações em penas de prisão suspensas na sua execução, com regime de prova.

Na sequência do interrogatório, o Ministério Público requereu a aplicação da medida de coação de prisão preventiva, que lhe foi aplicada pelo Juiz de Instrução Criminal.

A investigação é dirigida pelo Ministério Público da Moita, do DIAP da Comarca de Lisboa, coadjuvado pela PSP do Barreiro.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui