Opinião

Quem tem dois Costas, tem tudo!

Uma crónica de Bruno Fialho.

- publicidade -

Alguém acredita que em Portugal, num futuro próximo e sem fazer “sangue” na classe política e nos donos da informação, poderia acontecer o que sucedeu na Islândia, país onde 29 banqueiros corruptos foram efectivamente presos e dois primeiros-ministros foram demitidos?

Evidentemente que não! Outrora conquistadores do mundo, hoje em dia somos um país de cordeirinhos mansos, que nada questionam e tudo aceitam, sem nunca se revoltarem.

A culpa do estado a que isto chegou não é apenas do povo que se deixa enganar, porque esse tem de acordar muito cedo para ir trabalhar, ao contrário dos políticos profissionais, depois, chega tarde a casa e não tem espaço para pensar, porque se de um lado temos um Costa a mentir diariamente na televisão, do outro, temos um Costa a “manipular” informação e até as eleições autárquicas.

Por exemplo, um Costa (primeiro-ministro) decidiu marcar eleições autárquicas para o dia 26 de Setembro, porque sabia que somente em Outubro muitos dos portugueses irão perder 40% do rendimento mensal porque as moratórias vão terminar, opção feita sem que a economia tenha recuperado para níveis satisfatórios. Outro Costa (diretor-geral de informação do grupo Impresa) decide quais os candidatos que são convidados para debates nas autárquicas ou que propostas eleitorais devem ser publicadas.

Se isto não é distorcer a democracia e “manipular” eleições, então não sei o que mais será.

Assim, com dois Costas é fácil e simples fazer das pessoas cordeirinhos, principalmente quando os dois mandam na comunicação social, pois um manda em parte dos órgãos de comunicação social por inerência à sua actividade profissional e o outro, devido ao cargo que ocupa no Governo, com a conhecida ajuda de 15 milhões de euros, manda no restante.

E é assim que nos tornámos no único país do mundo civilizado que não questiona as regras insanas de um Governo em relação às restrições covidianas, sejam aquelas que temos durante a semana ou as impostas ao fim-de-semana, ou que não quer saber quais os efeitos secundários que a vacina contra o covid-19 poderá provocar nos jovens, principalmente ao nível da infertilidade, como vários estudos indicam, ou sobre as contradições da DGS, que são tantas que necessitava de vários Terabytes para conseguir expô-las todas ou que aceitamos as maluqueiras de um ser estranho dessa mesma DGS, que andou a fazer recomendações no Natal passado sobre que presentes devíamos oferecer, nomeadamente, compotas…

Como se diz em bom português, isto só vai lá à lei da bala, porque o povo é o único que respeita a democracia, pois os políticos profissionais há muito que não querem saber do povo.

Se realmente ainda fossemos uma nação valente e imortal, os irmãos Costa há muito que tinham sido demitidos e responsabilizados por todos os danos que têm feito ao país.

Mas, quem tem dois Costas, tem tudo…

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo