Moita

Prisão preventiva para um dos detidos na Moita com 16.330 doses de haxixe

publicidade

O Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Montijo deteve, ontem, dia 10 de julho, dois homens, de 46 e 37 anos, por tráfico de estupefacientes, na localidade da Moita, que foram hoje presentes ao Tribunal Judicial do Barreiro.

Um dos suspeitos ficou com termo de identidade e residência e o outro suspeito, com antecedentes criminais pela prática do mesmo tipo de crime, ficou sujeito à medida de prisão preventiva.

As detenções ocorreram no âmbito de uma investigação por tráfico de estupefacientes, que decorreu durante três meses, e foram realizadas duas buscas domiciliárias e uma em veículo.

Foram apreendidas 16.330 doses de haxixe; 2 doses de folhas e sumidades floridas ou frutificadas de Canábis; 2 balanças digitais; 1 veículo; 1 telemóvel; 1 tábua utilizada no corte de produto estupefaciente; 1 navalha, uma faca e dois X-ato, utilizados no corte de produto estupefaciente e 928 euros em numerário.

A ação contou ainda com o apoio da Secção de Prevenção Criminal e Policiamento Comunitário do Destacamento Territorial do Montijo.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui