DistritoDistrito SetúbalSetúbal

Prisão preventiva para homem que agrediu companheira e tentou fugir com filha de 9 anos

publicidade

A juíza de instrução do Tribunal de Almada aplicou a pena de prisão preventiva a um homem que a 30 de Março deste ano que sob o efeito do álcool, agrediu física e verbalmente a companheira, na presença da filha desta, com 9 anos de idade, na residência de ambos, em Almada.

Seguiram-se novas agressões à companheira, as quais acabariam por deixá-la inconsciente, tendo o detido, mesmo depois disso, continuado a pontapear a ofendida, junto de quem permanecia a criança que chorava e gritava por socorro.

O suspeito ainda terá tentado sair de carro, acompanhado da criança, a qual chorava compulsivamente, enquanto a mãe a tentava retirar do interior da viatura, mas o arguido acabou por regressar a casa e aí fechar a menor.

Esta conduta só cessou depois da chegada que PSP, que havia sido chamada ao local e que deteve o homem, que foi apresentado a primeiro interrogatório judicial, indiciado pela prática de um crime de violência doméstica,

Na sequência do interrogatório, o Ministério Público requereu a aplicação ao arguido da medida de coação de prisão preventiva, a qual foi aplicada pela juíza de Instrução.

A investigação prossegue sob direção do Ministério Público de Almada do DIAP da Comarca de Lisboa, com a coadjuvação da PSP.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui