DistritoDistrito SetúbalJustiçaMoita

Prisão preventiva para homem de 82 anos por abuso sexual de criança na Moita

publicidade

O Ministério Público apresentou, esta segunda-feira, a interrogatório judicial um detido indiciado pela prática do crime de abuso sexual de criança, a quem o juiz de instrução aplicou a medida de prisão preventiva.

Os factos remontam a 6 de Abril de 2019 e ocorreram no Vale da Amoreira, Moita, onde o arguido, de 82 anos, e a vítima, de 11 anos e com problemas cognitivos, residem.

O detido é suspeito de, depois de ter aliciado a vítima a entrar em sua casa, aí ter mantido relações sexuais com esta.

A investigação é dirigida pelo Ministério Público da Moita do DIAP da Comarca de Lisboa com a coadjuvação da PSP.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui