CrimeSeixal

Prisão domicíliaria para homem que assaltou com recurso a violência no Seixal

Homem que assaltou pessoas e lojas no Seixal fica em prisão domiciliária

- publicidade -

Um homem foi detido pelas autoridades, fora de flagrante delito, indiciado pela prática de cinco crimes de roubo (dois crimes de roubo agravado, dois crimes de roubo e um crime de roubo na forma tentada).

O homem está acusado de ter participado num assalto no dia 4 de Novembro, com outro individuo, em que com recurso a uma faca obrigou três pessoas a entregarem casacos, bolsas e telemóveis.

Noutra situação, no dia 8 de janeiro de 2021, num estabelecimento comercial, mediante violência física e ameaça de morte, o arguido exigiu a entrega do dinheiro da caixa, o que não conseguiu.

Dirigiu-se de imediato a um estabelecimento comercial nas imediações, onde sob ameaça de ter na sua posse uma arma de fogo, constrangeu o funcionário à entrega de quantias monetárias e subtraiu diversos equipamentos informáticos.

Na sequência do primeiro interrogatório judicial, o Ministério Público requereu a aplicação das medidas de coação de prisão preventiva e de sujeição a tratamento de dependências, sem prejuízo de aplicação da medida de obrigação de permanência na habitação caso estejam reunidas as condições, as quais foram aplicadas pelo Juiz de Instrução.

A investigação prossegue sob a direção do Ministério Público do Seixal, do DIAP da Comarca de Lisboa, com a coadjuvação da Polícia de Segurança Pública.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo