AtualidadeEconomia

Preço do petróleo recua mas aumentos nos combustíveis continuam em Portugal

- publicidade -

Os preços de petróleo caíram mais de 2%, depois de a OPEP+ ter alcançado um acordo para aumentar a produção de forma gradual até dezembro, sendo que a cotação do Brent (que serve de referência para o nosso país), está a desvalorizar há três semanas consecutivas.

Segundo o jornal Eco, o crude negociado em Nova Iorque está a cair 2,81%, com o barril nos 69,80 dólares, regressando a preços que não eram praticados desde junho deste ano, enquanto o Brent, que serve de referência europeia, está a ceder 2,73% com o barril a chegar aos 71,58 dólares, também mínimos de junho.

No ano passado devido à pandemia e da crise económica, a procura afundou e a OPEP+ decidiu fazer um corte na produção de quase dez milhões de barris por dia para tentar ajustar a oferta à procura.

O acordo da OPEP+ inclui ainda o aumento das quotas de produção por parte dos Emirados Árabes Unidos, o Iraque e o Kuwait a partir de maio de 2022.

Por cá, o preço da gasolina voltou a subir, na que será a oitava semana consecutiva em que o preço da gasolina simples 95 aumenta em Portugal, apesar de esta semana o gasóleo não sofrer alterações.

Face a dezembro de 2020, este preço representa já um aumento de 25 cêntimos por litro, e comparando com maio de 2020, a ‘escalada’ da gasolina simples 95 é já de 44 cêntimos por litro.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui