Atualidade

Polícia Marítima apreendeu 180kg de amêijoa japónica no estuário do rio Tejo

- publicidade -

O Comando-local da Polícia Marítima de Lisboa realizou uma ação de fiscalização dirigida à atividade ilegal de captura e comercialização de bivalves no estuário do rio Tejo, resultando na apreensão de cerca de 180kg de amêijoa japónica.

Durante esta ação foi intercetada uma embarcação de recreio, com três tripulantes a bordo e em plena atividade de captura de bivalves com recurso a uma arte de pesca denominada ‘ganchorra’, cuja utilização é proibida no estuário do rio Tejo, tendo capturado cerca de 180kg de amêijoa japónica.

Foram também apreendidas a embarcação de recreio e a arte de pesca, que transitaram para as instalações do Comando-local da Polícia Marítima de Lisboa, ficando à guarda do processo.

Os três tripulantes foram ainda autuados por incorrerem numa infração por desrespeito ao dever geral de confinamento domiciliário imposto pelo atual estado de emergência.

A amêijoa japónica apreendida foi devolvida ao seu habitat natural por ainda se encontrar viva.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui