PJ deteve suspeito de incendiar viaturas em Belém que já estava sob prisão domiciliária

A Polícia Judiciária deteve um homem por suspeita de incendiar viaturas na zona de Belém, em Lisboa, que já se encontrava sob prisão domiciliária por crimes semelhantes.

DR
publicidadeGearbest Alfawise V8S Max UV Sterilization + Disinfectant Disinfection Wet and Dry Robot Vacuum Cleaner promotion
Tempo de Leitura: < 1 minuto

A Polícia Judiciária, através da Diretoria de Lisboa e Vale do Tejo, deteve um homem, de 20 anos de idade, por fortes indícios da prática de vários crimes de incêndio.

Os factos ocorreram durante este mês, e resultaram em seis veículos automóveis incendiados na Rua da Junqueira, sendo o último cometido no passado dia 23, quando o presumível autor, por razões fúteis, ateou fogo a uma viatura, danificando outras três e provocando, também, danos de relevo na fachada de um imóvel.

Segundo a nota da Polícia Judiciária «só a pronta intervenção dos bombeiros evitou consequências mais graves para as restantes viaturas parqueadas na via pública e para os imóveis circundantes.»

O detido reside nas imediações e encontrava-se sujeito a medida coerciva processual de obrigação de permanência na habitação, devido à prática anterior de crimes contra o património.

«Contudo, violando tal medida, ausentava-se, de madrugada, para atear os fogos e voltava à residência, com a maior celeridade, para evitar a sua deteção.

Estas condutas provocaram um elevado e justificado sentimento de insegurança e medo aos residentes na zona» refere ainda a nota.

A investigação contou com a colaboração da Polícia de Segurança Pública.

 

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome