CrimeInternacional

PJ ajuda a desmantelar rede criminosa internacional com 15 toneladas de haxixe

A Polícia Judiciária Portuguesa participou numa operação em conjunto com a Europol, a Guarda Civil Espanhola e a Autoridade Tributária. 

- publicidade -

A Polícia Judiciária Portuguesa participou numa operação em conjunto com a Europol, a Guarda Civil Espanhola (Guardia Civil) e a Autoridade Tributária (Agencia Tributária), sendo possível desmantelar uma rede de criminalidade organizada “envolvida no tráfico de droga em larga escala, detendo oito dos seus membros. Estes criminosos preparavam-se para contrabandear 15 toneladas de haxixe para Espanha quando foram presos”.

Segundo o comunicado da PJ, “a investigação centrou-se rapidamente numa embarcação específica – conhecida como SEEFUCHS e adquirida pelo grupo criminoso em novembro de 2020. A embarcação foi levada pelos criminosos para a cidade portuguesa de Portimão, onde lhe alteraram a cor e aumentaram a sua capacidade de armazenamento.

Em junho deste ano, o SEEFUCHS partiu para Marrocos, sob estreita vigilância das autoridades. Assim que o produto estupefaciente foi carregado na embarcação, os criminosos regressaram em direção ao Estreito de Gibraltar. O navio foi tomado pela polícia espanhola a cerca de 100 milhas náuticas a sul da costa espanhola”.

A PJ adianta que durante a operação, “cinco indivíduos foram presos e 15 toneladas de haxixe foram apreendidas na carga do barco. Foram realizadas cinco buscas domiciliárias simultaneamente em toda a Espanha, as quais resultaram na detenção de três outros membros deste mesmo grupo, assim como a apreensão de 60 000 Euros em dinheiro. Um iate de luxo que também era usado para o transporte de drogas foi apreendido em Lanzarote”.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo