Economia

Parlamento não deixa passar apoio a taxistas e domésticos em precariedade

publicidade

O projeto lei do PCP que visava garantir um apoio de proteção social a trabalhadores com vínculos laborais precários, nomeadamente taxistas e trabalhadores domésticos foi chumbado hoje no parlamento.

O documento teve os votos contra do PS, PSD e CDS-PP e os votos a favor dos restantes partidos, pretendia apoiar os trabalhadores precários que não tinam acesso aos apoios criados no âmbito das medidas excecionais e temporárias de resposta à pandemia de Covid-19.

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui