DistritoPalmela

PALMELA – Voluntariado na Feira Medieval gera discussão

- publicidade -

A utilização de voluntários para a produção da Feira Medieval nos dias do evento está a gerar polémica nas redes socias, por se tratar de um acontecimento com entrada paga e outras fontes de receita.

Algumas pessoas reagiram recentemente ao apelo da Câmara Municipal de Palmela e da ALIUSVETUS – Associação Cultural, História e Património por voluntários para a Feira Medieval. Descrita como uma experiência que promove atitudes mais responsáveis, mais solidárias e maior compromisso com o concelho, para algumas pessoas que se têm expressado publicamente em diversos fóruns é só uma forma de adquirir trabalho de forma praticamente gratuita, através dos jovens.

As entradas no recinto são pagas pelos visitantes, com modalidades dos 3 aos 6 euros e os lugares destinados a bancas de restauração e feirantes, se preenchidos na totalidade, resultam numa receita de cerca de 5.000 euros para a organização.

Perante estes números a escolha por trabalho voluntário tem gerado dúvidas, pois, mesmo que a lei o permita, o voluntariado é uma atividade de exercício da cidadania individual de quem procura oferecer solidariamente o seu tempo e a sua energia à comunidade onde se insere, e a quem mais precisa. Apoiar a produção de um evento pago não será a forma mais óbvia de o fazer.

A Câmara Municipal de Palmela foi contactada a fim de prestar mais esclarecimentos sobre o caso mas até ao fecho da edição não conseguimos ter os devidos esclarecimentos

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui