Palmela

Pais preocupados com medidas de prevenção de escola em Quinta do Anjo

O que acontece na Escola Básica António Matos Fortuna, na Quinta do Anjo (Palmela), está a preocupar os encarregados de educação das crianças.

publicidade

A nova realidade levou as escolas a criarem medidas de prevenção e novos caminhos de circulação para evitar contágios de COVID-19, mas o que acontece na Escola Básica António Matos Fortuna, na Quinta do Anjo (Palmela), está a preocupar os encarregados de educação das crianças.

As saídas de emergência estão a ser utilizadas para caminhos de circulação e evitar ajuntamentos, mas os pais dos alunos acham que esta medida “para além de ser completamente inaceitável, é extremamente perigosa.

As crianças não podem agarrar no corrimão, algumas escorregam e outras sobem de gatas por medo. É horrível”, transmitiu um destes encarregados de educação ao nosso jornal.

Como pode ver por estas fotografias enviadas ao Diário do Distrito, algumas crianças acabam mesmo por ter de agarrar no corrimão por medo, devido ao espaço entre degraus, sendo que estas imagens são apenas um exemplo dos muitos que acontecem todos os dias.

“Tenho a minha filha a viver esta situação, e já foi enviada uma carta por todos os pais à Direção da escola a manifestar o nosso descontentamento. Contudo, ainda não obtivemos resposta e não há alterações até ao momento”, relatou a encarregada de educação, manifestando o seu receio pela segurança destas crianças.

O nosso jornal tentou contactar a Escola Básica António Matos Fortuna para obter esclarecimentos, mas não chegou qualquer resposta até à publicação desta notícia. 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui