AlmadaDestaqueDistritoDistrito Setúbal

Ordem dos Médicos alerta para possível encerramento da urgência pediátrica no HGO

publicidade

A Ordem dos Médicos voltou hoje a alertar para o «cenário muito grave» da urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta, em Almada, avisando que o serviço poderá encerrar alguns dias ou em alguns períodos do mês de abril.

Num comunicado, a Ordem dos Médicos relembra que apesar do alerta feito há dois meses e da «insistência do Sindicato Independente dos Médicos, a falta de pediatras no Hospital Garcia de Orta agravou-se».

O comunicado, que cita o Bastonário da OM, Miguel Guimarães, deixa ainda o alerta para que «em abril, a escala de urgência pediátrica pode deixar de estar assegurada pelo que o serviço corre o risco de ser encerrado alguns dias ou em alguns períodos», tendo em conta que «a urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta chegou a uma situação limite e inevitável, e não é possível ter uma urgência pediátrica aberta sem pediatras».

Desde fevereiro já saiu mais um pediatra do hospital e prevê-se a saída de mais um até ao final de abril, estando uma pediatra em licença de maternidade e outra grávida.

No mesmo comunicado, o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) lembra que enviou uma carta ao conselho de administração do hospital e lamenta a «inação e o desrespeito que isto demonstra pelos profissionais, pelos pais e pelas crianças».

A Lusa contactou a administração do Hospital Garcia de Orta e o Ministério da Saúde, mas não obteve qualquer resposta.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui