EconomiaPalmelaSetúbal
Em Destaque

Orçamento da Câmara de Palmela é de 54 milhões para 2021

A Câmara de Palmela aprovou o orçamento para 2021 no valor global de 54,8 milhões de euros, que representa um acréscimo de 15,8% relativamente ao orçamento deste ano, anunciou hoje a autarquia do distrito de Setúbal

- publicidade -

O documento foi aprovado na última sessão pública do executivo camarário, com votos favoráveis da maioria CDU, abstenção dos eleitos do PS e do MIM (Movimento Independente pela Mudança) e voto contra da Coligação Palmela Mais (PSD/CDS-PP).

De acordo com a autarquia, parte significativa do orçamento para 2021, 45 milhões de euros, destina-se a funções sociais, áreas de intervenção municipal mais diretamente relacionadas com a satisfação das necessidades básicas da população.

“Este documento de gestão perspetiva o final do atual mandato e define linhas de futuro (Grandes Opções do Plano 2021/205), com base numa visão estratégica que não se compagina em ciclos de quatro anos”, refere uma nota de imprensa do município, adiantando que a Câmara de Palmela já concluiu, ou tem em conclusão, um importante conjunto de ações no âmbito do Portugal 2020.

A ampliação e requalificação de várias escolas (Aires, Águas de Moura, António Matos Fortuna, Brejos do Assa, Cabanas), ecopista de Pinhal Novo (2.ª fase) e ciclovia da Quinta do Anjo, requalificação da Estrada dos Quatro Castelos (1.ª fase) – projeto HUB10, e do antigo Polidesportivo de Poceirão, são algumas das obras referidas.

A Câmara de Palmela destaca ainda algumas infraestruturas, que considera serem “obras de peso” e que deverão ter início em 2021, designadamente as “redes de drenagem entre o Portal Branco (Aires) e Setúbal, seguidas de expansão para Miraventos e Quinta Tomé Dias, do sistema de saneamento de Cajados e de mais uma fase de infraestruturação na Lagoinha”.

“O início faseado da infraestruturação nos Olhos de Água e Quinta do Canastra/Terrim e do sistema elevatório de águas residuais domésticas na Quinta dos Farias (Pinhal Novo)” são outras obras que, segundo a Câmara de Palmela, deverão arrancar em 2021.

De acordo com o Orçamento para 2021 e as Grandes Opções do Plano para 2021/2025, a Câmara Municipal prevê também a conclusão da empreitada de acessibilidades no Castelo e abrir as portas da “A Estação – Museu Municipal”, em Pinhal Novo, num ano com diversas atividades ligadas ao património e à figura histórica, natural de Palmela, de Hermenegildo Capelo.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *