Almada

‘Operação Regresso Seguro II’ da ASAE decorreu em oito cidades

- publicidade -

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) suspendeu três estabelecimentos de restauração e bebidas, sendo que entre as infrações está o facto de os donos dos restaurantes não verificaram se os clientes tinham certificado Covid ou teste negativos.

A ASAE instaurou ainda 1 processo-crime por desobediência, resistência e coação e 13 processos de contraordenação.

A ação de fiscalização denominada ‘Operação Regresso Seguro II’ decorreu na sexta-feira em em Centros Comerciais de 8 cidades: Lisboa, Almada, Oeiras, Albufeira, Coimbra, Porto, Braga e Vila Nova de Gaia.

Foi direcionada para a verificação do cumprimento das medidas aplicáveis no atual contexto da pandemia da doença Covid-19, em estabelecimentos de restauração e bebidas incluindo as condições de acesso e de controlo nas áreas de ‘food court’.

Em comunicado, a ASAE explica que durante a ação foram verificadas as regras de lotação dos espaços, de ocupação, de distanciamento físico, de uso de máscara, bem como a obrigatoriedade de apresentação de Certificado Covid ou teste com resultado negativo aquando do acesso ao interior dos estabelecimentos de restauração às sextas-feiras, a partir das 19h, e todo o dia, aos sábados, domingos e feriados.

Participaram na ação cerca de 55 inspetores da ASAE e foram fiscalizados 157 operadores económicos e instaurados um processo-crime por desobediência, resistência e coação e 13 processos de contraordenação.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo