Ópera em Palmela no Parque Venâncio Ribeiro da Costa

Um total de 36 cantores e 36 músicos levam a ópera ao Parque Venâncio Ribeiro da Costa, em Palmela

publicidade
Tempo de Leitura: < 1 minuto

Um total de 36 cantores e 36 músicos levam a ópera ao Parque Venâncio Ribeiro da Costa, em Palmela, este sábado, 11 de julho, entre as 17h00 e as 18h30, no original espetáculo ‘NESSUN DORMA’ (“Que ninguém durma! Que ninguém durma!”).

Com conceção e direção artística do Maestro Jorge Salgueiro, o espetáculo, organizado pela Câmara Municipal de Palmela, foi especialmente pensado para levar a música à população neste período de pandemia que vivemos.

Os cantores e músicos vão estar distribuídos em duetos por diversos pontos do Parque e vão interpretar árias de ópera dos séculos XVII a XIX.

O espetáculo terá uma lotação de 400 pessoas e o público vai entrar em grupos de oito pessoas, que realizarão um percurso previamente definido e sinalizado, sempre em andamento, de forma lenta, passando pelos 36 locais.

O evento respeita as determinações da Direção-Geral da Saúde para espetáculos ao ar livre, nomeadamente, o distanciamento entre espetadores e destes com os artistas.

A entrada é gratuita e os bilhetes podem ser levantados na bilheteira do Cineteatro S. João, até dia 10 de julho, ou no dia e no local do evento, a partir das 15h00, caso ainda não esteja lotado (limitado a três bilhetes por pessoa).

«Liberdade, disseram, é o nome da doença que acometeu 40 pessoas. Foram confinadas num promontório entre Tejo e Sado e sujeitas a análises clínicas. Estas nada revelaram, a não ser níveis elevados de endorfina, oxitocina, dopamina e serotonina.

Concepção e direção artística: Jorge Salgueiro; corporalidade: Iolanda Rodrigues; direção vocal: Carina Matias Ferreira, João Mendonza e Juliana Telmo e interpretação por 36 cantores e 36 músicos, em duetos.

publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome