Palmela

Obras, lixo e novo ano letivo foram os temas da reunião camarária de Palmela

Na reunião camarária de Palmela foi abordado o tema das obras, lixo, e as condições para o novo ano letivo.

- publicidade -

O Diário do Distrito assistiu à reunião camarária de Palmela de hoje, onde foram primeiramente apresentadas várias empreitadas e obras futuras no concelho.

O Presidente da Câmara de Palmela, Álvaro Amaro informou que a “obra da Piscina Municipal de Palmela foi adjudicada, e serão instalados painéis fotovoltaicos para autoconsumo. Será também instalada iluminação LED em toda a estrutura, além da substituição das coberturas”. Esta intervenção, com um valor de 390 mil euros, “vai elevar a classificação energética da piscina”.

O autarca confirmou também a retirada de materiais com amianto na Escola Básica Hermenegildo Capelo e na Escola Básica José Maria dos Santos. No mercado do Pinhal Novo serão instaladas “zonas de proteção e ensombramento, sendo criadas pérgolas na entrada posterior. Haverá ainda uma melhoria do aceso ás zonas de descargas e cargas, da zona de acondicionamento dos resíduos sólidos urbanos e da recolha seletiva, que ficará devidamente acondicionada num espaço especifico para o efeito”.

Álvaro Amaro anunciou ainda que foi “adjudicado por 20 mil euros o projeto de execução para o novo quartel da GNR em Poceirão, com o objetivo de criar melhores condições de trabalho, tornando o posto atrativo e com maior capacidade de resposta”.

Será criado um parque de estacionamento na Quinta do Anjo, com “uma bolsa de estacionamento, zona de espera para os autocarros, um cicloparque e um posto de carregamento para veículos elétricos”.

O Vice-presidente Adilo Costa revelou a criação de um “novo serviço online do município, a partir do próximo dia 1 de setembro, com mais serviços e uma tecnologia atualizada”. Este novo portal servirá para “facilitar o acesso aos serviços municipais de uma forma mais cómoda e sem deslocações”.

O Lixo, as condições para o novo ano letivo e o COVID-19 nos lares

O Vereador José Calado começou por fazer algumas críticas às passadeiras, que “não estão marcadas” e às árvores, que “não são regadas como deveriam ser”. Além destes, José Calado abordou o tema dos monos (eletrodomésticos, colchões, móveis) e do lixo, dizendo que “não serve de nada fazer propaganda ao concelho quando as pessoas chegam e encontram montes de lixo por todo o lado e em vários sítios”.

Paulo Ribeiro também sublinhou que “é rara a reunião de câmara que ninguém fale da questão do lixo, ervas, limpeza e sarjetas. Um munícipe disse-me que a Rua Manuel Carromeu é um “espetáculo de lixo” amontoado à volta dos contentores. Não é admissível num concelho destes”.

Em resposta aos Vereadores, Álvaro Amaro afirmou que as passadeiras já estão a ser pintadas, apesar da intervenção estar atrasada devido à pandemia. Em relação aos monos e lixo, o autarca revelou que foram abertos “sete processos de contraordenação por abandono de resíduos, com multas no valor de mais de 2 mil euros.

Além disso, aumentámos a recolha e vamos ver no final do ano os milhões investidos na limpeza. Nunca gastámos tanto dinheiro nas aquisições de serviços. Mas também é necessário que os cidadãos tenham consciência e não deitem o lixo para o chão, ou para a berma dos contentores”.

A Escola Básica de Cabanas foi uma das preocupações dos vereadores durante a reunião, devido às condições da mesma para receber os alunos. “Percebemos que o futuro pode passar por dois equipamentos escolares, e dividir as crianças com o Colégio Guimarães”, disse Álvaro Amaro.

O presidente da Câmara acrescentou que “há uma vontade de ampliar a escola de Cabanas, apesar de esta ter uma grande qualidade. Mas só acontecerá quando o município conseguir adquirir o terreno que está ao lado”.

- publicidade -

Em relação ao COVID-19 em lares, o autarca considera o município tem as medidas de prevenção certas. “Na semana passada foram feitos testes em dois lares. Amanhã haverão testes em três lares e até final de novembro haverá, todos os meses, pelo menos um dia com visitas para controlo.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui