Desporto

O último adeus a Fernando Chalana

Realizaram-se, esta sexta-feira, no Estádio da Luz as cerimónias fúnebres do ídolo benfiquista Fernanda Chalana, perante os milhares de adeptos que foram prestar homenagem ao “pequeno genial”. Fernando Chalana deu a última volta no relvado do Estádio da Luz.

Sob fortes aplausos, o caixão foi transportado da Basílica da Estrela enrolado numa bandeira do Benfica.


Chegou ao Estádio da Luz ainda antes da quatro da tarde, onde foi saudado com uma camisola 10 gigante erguida nas bancadas e uma guarda de honra feita pelo atual plantel principal da equipa encarnada, bem como ilustres figuras do clube.

Às quatro horas em ponto, começaram os dez minutos de silencio que acabaram transformados em vivas ao Benfica, a Fernando Chalana e a Eusébio. Pouco depois, o caixão abandonou o relvado.

Foi uma tarde emocional para os adeptos e para todo o futebol português, com Federico Varandas, presidente do clube rival Sporting, a falar aos jornalistas e a prestar a sua homenagem a Chalana.

Depois de sair do Estádio da Luz, o cortejo seguiu para o Cemitério do Alto de São João, onde o corpo de Fernando Chalana foi cremado, fechando o capitulo na vida do que para muitos foi um dos jogadores mais talentosos que o futebol português já viu.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.