O Restaurante Fundação

Na nossa rúbrica d' À Boa Mesa, esta semana a recomendação de Samuel Marques sobre o restaurante «A Fundação» na Cova da Piedade.

0
254
Tempo de Leitura: 2 minutos

Olá caríssimos(as) leitores(as) hoje trago-vos o restaurante FUNDAÇÃO.

Situado no numero 33 da Avenida da Fundação, na freguesia da Cova da Piedade, concelho de Almada. Trata-se de um restaurante discreto situado mesmo em frente à escola primária bem perto do mercado da Cova da Piedade.

Para quem gosta de comida chinesa mas está farto dos pratos que constantemente nos oferecem num restaurante chinês este é uma pérola escondida.

Esqueçam o 37; 44; 28 ETC. Falem directamente com o Sr Wang ele é o homem que vos vai iniciar e guiar neste pequeno grande segredo que é o FUNDAÇÃO, dependendo do vosso gosto pessoal.

Este é para um jantar com família ou amigos ou até mesmo para um jantar sossegado a dois. Há quem goste de ir a um restaurante cheio, ou sossegado. Nesse caso as opções são ou ir de semana ou ao fim de semana. Mas ao fim de semana podem correr o risco de não encontrarem mesas livres.

Os pratos são realmente frescos. Eu pessoalmente aconselho em especial as guiozas (estão na carta como raviolis), que para mim são algo de comer e chorar por mais. São realmente parecidas com raviolis mas a massa é de arroz e o recheio verdadeiramente divinal. Conta a história que uma imperatriz chinesa ao deslocar-se pelo Império, parou numa estalagem onde só haveria guiozas para servir aos clientes. Ela depois de provar tal prato acabou por trazer o mesmo para a corte.

A especialidade das Guiozas

A sopa “quente” de tomate é algo a provar pelos que apreciam comida mais condimentada.

O peito de frango frito com amêndoas é realmente bom. O shop soy de vaca excelente no qual se nota o sabor e a frescura dos vegetais.

Infelizmente não provei tudo o que há para descobrir. Mas vale a pena.

Uma ementa fora do comum com pratos que fazem a diferença. É um local onde cada cliente que vai voltando se torna parte da casa.

A vantagem de ter um restaurante de comida chinesa e cantonesa mas com a vantagem de um tratamento verdadeiramente familiar, sem aquela distância que por vezes sentimos num restaurante chinês.

Quase a fazer lembrar as velhas tascas de Lisboa mas com a rica gastronomia chinesa.

Vale bem a pena a visita com os amigos que sejam bons garfos. É comer e chorar por mais. Ficamos sempre com pena de não ter mais estômago para provar o resto da ementa.

Em Fevereiro há pratos de beringelas. Aliás a carta sofre alterações em função das alturas do ano e das colheitas disponíveis.

Quem não quer ou não poder ir ao restaurante presencialmente mas se morar em Almada e nos arredores pode, e deve, recorrer à aplicação UBER HEATS. Já os outros só indo ao local.

A decoração é bastante simples talvez na opinião de alguns esteja uns furos a baixo isto segundo as avaliações disponíveis no site ZOMATO. A média das avaliações neste site é um 3,9.

Eu dou uma avaliação (de 1 a 5) um confortável 4,5. O pessoal é simpático e prestável. Gosta de conversar que é algo que aprecio num restaurante. A comida é verdadeiramente um primor.

A quantidade das doses é generosa. O preço poderá considerar-se médio. Cerca de 20€ por duas pessoas. Não dispõe de estacionamento privativo, mas o estacionamento é relativamente fácil, dependendo das horas.

Despeço-me desejando-vos bom apetite e voltarei em breve com outras descobertas. O nosso distrito está cheio de lugares discretos mas que valem a pena descobrir. Se os leitores(as) quiserem enviar sugestões de visitas a fazer bastará usarem a caixa dos comentários neste artigo.

Um abraço e grato pelo vosso tempo de leitura.

Samuel Marques

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome