Nuno Magalhães quer explicações sobre a urgência pediátrica do Hospital Garcia de Orta

O deputado do CDS-PP Nuno Magalhães interrogou ministério da Saúde sobre falta de pediatras no Hospital Garcia de Orta e o possível encerramento do serviço de urgência pediátrica no período noturno.

0
180
DR
Tempo de Leitura: 1 minuto

Numa pergunta dirigida à ministra da Saúde, o deputado do CDS-PP Nuno Magalhães quer saber se a tutela tem conhecimento da falta de pediatras no Hospital Garcia de Orta e se confirma que está iminente o encerramento do serviço de urgência pediátrica no período noturno, refere um comunicado enviado à comunicação social.

O deputado do CDS-PP questiona também «para onde serão encaminhadas as crianças se tal acontecer e se a ministra está em condições de confirmar que esse reencaminhamento não irá, por sua vez, prejudicar outro(s) serviço(s) de urgência».

Nuno Magalhães quer ainda que a ministra confirme a entrada de cinco novos pediatras naquele hospital, «quando é que isso acontecerá, que medidas estão a ser tomadas pela tutela para garantir o funcionamento do serviço até à entrada dos novos pediatras, e se a Ministra está em condições de assegurar que não está em causa o acesso a cuidados de saúde pediátricos nem a qualidade da prestação desses cuidados às populações servidas pelo Hospital Garcia de Orta».

Em declarações à comunicação social o presidente do Conselho de Administração do Hospital Garcia de Orta admitiu o risco de fechar portas da urgência pediátrica daquela unidade de saúde, durante o período noturno, por falta de médicos pediatras.

De acordo com o Presidente do CA, saíram do Garcia de Orta nove pediatras, o que tem originado a sobrecarga dos restantes profissionais. O administrador do hospital espera a entrada de cinco novos pediatras nos próximos meses, mas afirma que «recuperar os nove pediatras perdidos para o privado pode demorar, na melhor das hipóteses, um ano».

O Hospital Garcia de Orta recebe, por dia, cerca de 130 crianças. O serviço de urgência de pediatria dá também apoio às áreas de internamento e de berçário ao fim de semana.

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome