Economia

Novo Banco vai encerrar mais 20 balcões até ao fim do ano

publicidade

O Novo Banco vai fechar mais de 20 balcões até final deste, na sua grande maioria em centros urbanos, destes cinco ou seis são em Lisboa. “São transformações em que estamos a trabalhar para um banco novo”, afirmou António Ramalho, CEO da instituição, ao ECO.

Assim, a instituição bancária vai fechar 2020 com 355 agências no país, um corte de mais de 40%, isto é, menos 275 balcões desde a sua criação em 2014, depois do fim do BES.

“A verdade é que o mercado está a mudar, as necessidades dos consumidores estão a mudar e é normal que aquilo que é a tradicional distribuição de balcões venha a mudar sobretudo nos centros urbanos. Não tenhamos dúvidas. Estamos a analisar com cautela as transformações em que estamos a trabalhar para um banco novo. É esse banco novo que queremos desenvolver”, respondeu António Ramalho ao deputado do PCP, Duarte Alves, na audiência parlamentar.

No total, correm o risco de despedimento 1500 colaboradores se não se cumprirem os objetivos de Bruxelas.

A pandemia veio piorar a situação e bancos como o Santander Totta, Caixa Geral de Depósitos (CGD), BCP e Montepio preparam redução de trabalhadores.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui