À Boa MesaCulturaEconomiaEntrevistaFestas PopularesHistoriaSesimbraTurismo

Na Moagem de Sampaio é possível comprar alguns dos produtos mais típicos de Sesimbra

- publicidade -

A moagem de Sampaio é um dos principais monumentos que se pode visitar na freguesia do Castelo e representa a transição, que aconteceu no séc. XX, entre a produção rural e um sistema de produção industrializado moderno. No interior deste agora espaço museológico é possível ver o engenho principal usado para moer e um tanque de refrigeração da água para o motor (agora neste tanque as crianças brincam e as pessoas sentam-se nas festas).

Este espaço, que deixou de ser usado na década de 90, foi recuperado pela autarquia em 2008. Na Moagem de Sampaio trabalhava-se, especialmente, com trigo, milho. «Lembro-me de ir com o meu pai na carroça levar os produtos que ele plantava para serem aqui moídos», recordou o também agricultor e habitante local, Fernando Santos. Se durante os dias de semana é possível fazer visitas a este local, que funciona como um museu da ruralidade, ao fim-de-semana o espaço circundante recebe um mercado de rua.

Aos fins de semana, o edifício acolhe a iniciativa Sabores da Nossa Terra. Nesta venda, muito concorrida por agricultores e compradores, é possível adquirir fruta e legumes (da época), pão de Alfarim ou Farinha Torrada. «Todos os fins-de-semana deslocamo-nos de propósito para comprar pão. É totalmente diferente daquele que compramos nos supermercados e o tratamento é mais pessoal. Gostamos muito», disse a senhora Maria e a filha Ana, que são frequentadoras frequentes deste mercado que valoriza os sabores locais.

No interior da Moagem estão a venda os produtos perecíveis, como é o caso do Queijo da Azoia, e no Natal era possível levantar encomendas com bolos tradicionais, como é o caso do Bolo-Rei.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *