AtualidadeCrimeDestaquePorto

Morreu jovem agredido em fila de discoteca no Porto

Estudante universitário de 23 anos não resistiu aos ferimentos.

Faleceu esta segunda-feira o jovem de 23 anos agredido a murro enquanto estava na fila para entrar numa discoteca no Porto, na madrugada do passado domingo.

O estudante universitário, relata o Correio da Manhã, foi agredido por estudantes estrangeiros durante uma discussão, acusado supostamente de passar à frente na fila. Atingido com um murro, caiu e bateu com a cabeça no chão, sofrendo graves lesões cerebrais. Ainda lhe atiraram uma garrafa.

Deu entrada no Hospital de Santo António, no Porto, onde esteve a lutar pela vida, não acabando por resistir aos ferimentos.

Os dois agressores fugiram mas acabaram detidos pela PSP e entregues à Polícia Judiciária. São ambos de nacionalidade francesa com idades na casa dos 20 anos.
Um dos jovens foi libertado, o que atirou a garrafa, constituído arguido por agressão. O autor do murro, que motivou a queda da vítima, ficou na cadeia anexa à PJ, sendo esta segunda-feira presente a um juiz, cabendo ao procurador decidir que crime imputa ao suspeito.


Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *