Atualidade

Morreu Carlos Antunes fundador das Brigadas Revolucionárias vítima de Covid-19

- publicidade -

Carlos Antunes, militante antifascista e co-fundador, juntamente com a mulher, Isabel do Carmo, das Brigadas Revolucionárias, morreu na tarde de sábado, 23 de janeiro.

Antifascista, fundador das Brigadas Revolucionárias, morreu aos 81 anos em Lisboa, depois de ter estado internado desde dia 29 de dezembro por complicações ligadas a uma infeção com Covid-19, e na sequência de uma pneumonia.

tarot terapêutico

Carlos Antunes começou a sentir-se mal no dia 28 de dezembro, com sintomas de Covid-19. No dia 29 foi ao hospital e o teste de despistagem do Sars-CoV-2 deu positivo.

Sendo uma pessoa de risco com diabetes e historial de problemas de coração ficou internado, mas nos últimos 15 dias o seu estado de saúde agravou-se.

Carlos Antunes nasceu em São Pedro, uma aldeia da Serra da Cabreira, distrito de Braga, em 1940, e aos 15 anos já militava no PCP e aos 19, passa a ser funcionário do secretariado do Comité Central.

Em 1968, com a chegada ao poder de Marcelo Caetano, acentuaram-se as divergências entre Carlos Antunes e Álvaro Cunhal e no ano seguinte Carlos Antunes criou um núcleo inicial que dará origem às Brigadas Revolucionárias, organização que lideraria entre 1969 e 1974.

Depois do 25 de Abril foi acusado de autoria moral de várias acções armadas e esteve em prisão preventiva entre 1977 e 1982, após o que foi julgado e absolvido. (in Esquerda Net)

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui