Moradores de Palmela preocupados com falta de segurança na vila

População de Palmela queixa-se com falta de policiamento na vila.

0
1411
DIÁRIO DO DISTRITO IMAGENS
Tempo de Leitura: < 1 minuto

As últimas noites são vividas em sobressalto pelos moradores da vila de Palmela. Ao Diário do Distrito uma das moradores que reside no Centro Histórico adiantou que na rua General Amílcar Mota na noite de quarta-feira terão ouvido disparos de arma de fogo.

A noite passada, a vila de Palmela voltou a ser palco de estrondos de petardos, ouvindo-se em algumas zonas da vila, nomeadamente na Av. da Liberdade e junto à rua da EB 2/3 Hermenegildo Capelo. Também moradores da Av. dos Bombeiros Voluntários terão ouvidos o rebentamento de petardos.

A população queixa-se de falta de policiamento por parte da GNR de Palmela, que nada faz para dissuadir quem incomoda os habitantes. A semana passada o edifício da Câmara Municipal de Palmela também foi o alvo falhado dos “amigos do alheio”, que tentaram arrombar uma das portas mas foram travados pelo soar do alarme. Já uma viatura que estava estacionada junto à EB Joaquim José de Carvalho, também foi alvo de uma tentativa de assalto, o que valeu foi o dispositivo de bloqueio que está equipado na viatura.

DEIXE UMA RESPOSTA

Insira o seu comentário
Nome