Parceiros
CulturaMontijo

Montijo | Motoclube em festa na concretização de sonho

- publicidade -

O Motoclube do Montijo já inaugurou a sua sede. Um dia que fica marcado pela concretização de um sonho, com brindes e lágrimas à mistura.

Até o padroeiro da cidade ajudou, dizem: “depois do mau tempo dos últimos dias, até S. Pedro ajudou à festa, e hoje estamos todos de parabéns”, referem alguns dos membros do Motoclube do Montijo.

Lembre-se que o espaço de terreno foi cedido pela Câmara Municipal em 2014, e a reconstrução do edifício, projetos de arquitetura, decoração, e demais materiais ou mão-de-obra, foram sendo conseguidos através de “parceiros, patrocinadores, mecenas, e boa vontade de muita gente”.

Carlos Marques, presidente da direção do Motoclube destacou “o papel de todos na construção deste sonho, que embora sendo de todos os amantes de motas, é da cidade”. Carlos Marques frisou que “agora será possível realizar os eventos do Motoclube num espaço próprio que é a alma deste grupo, para além de poder juntar o pessoal que sempre foi muito unido, e que aliás, está sempre presente quando é preciso”.

“Uma festa de amigos”, disse o presidente dos motards do Montijo, fazendo referência à “presença de outros grupos de concelhos vizinhos, e outros tantos que fizeram muitos quilómetros para vir à cidade, mostrando a importância que o Motoclube do Montijo tem”, rematou.

Por seu lado, Nuno Canta, o presidente da Autarquia, parabenizou o grupo dizendo que “o espaço é a cara do grupo”, e que o motoclube “teve um papel fundamental no erguer deste projeto”. Num misto de “orgulho e emoção”, o edil sublinhou as caraterísticas do motoclube do Montijo, como sendo “pessoas dinâmicas e com visão de futuro, o que evidencia a força dos montijenses, e a capacidade de se reinventar perante tantas adversidades”.

Nuno Canta lembrou ainda o quão merecido é este espaço, lembrando que “o Motoclube do Montijo leva a cidade a outras dimensões, locais e nacionais, sempre com um sentimento de liberdade, partilha e entreajuda, valores que tanto caraterizam os motards, e que hoje em dia, depois de uma pandemia, e a passar por uma guerra, fazem toda a diferença, e são tão necessários”, concluiu.

Como já foi dito, nesta festa de inaguração estiveram presentes outros “parceiros da estrada”, de motoclubes ou associações diversas como Moita, Barreiro, Setúbal ou Corroios, para além de amigos para os quais os quilómetros não foram impedimento para celebrar. A título de exemplo, motards que vieram de Vila do Conde e Albufeira.

Apenas acrescentar que a festa de inauguração do Motoclube do Montijo fez-se também com música e animação, com os convidados Batucando ou Academia de Dança Dance Fusion.

“Para o Motoclube começa agora uma nova etapa”, e mais do que palavras ou emoções, ficam as imagens duma “festa que tardou, mas chegou…”


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário