Parceiros
AtualidadeMontijoSociedade

Montijo | Medicamentos e bens “voaram” para a Ucrânia

- publicidade -

A onda de solidariedade dos portugueses para com o povo ucraniano, não pára, e são vários os locais, cidades, escolas, pequenas comunidades que se juntam para recolher bens, alimentos, roupas ou medicamentos, para posterior envio para as zonas de fronteira na Ucrânia.

Foto: CM Montijo

No Montijo, a Câmara Municipal cedeu o espaço do antigo restaurante Montiagri, onde foi instalado o Centro de Recolha de Bens para a Ucrânia, e onde estão diariamente dezenas de voluntários para receber, dividir e embalar os vários alimentos, roupas ou medicamentos recebidos.

A Autarquia está a colaborar com a “Ukrainian Refugies UAPT”, e têm como parceiros a Junta de Freguesia do Montijo e Afonsoeiro, o Centro Paroquial de S. José e a Cáritas Diocesana de Setúbal.

Para além dos populares anónimos, associaram-se também várias entidades como a o Lions Club Montijo, o BE-FIT Montijo , a MJClinics Montijo, a Academia Dance Fusion e as Farmácias do concelho, onde poderá fazer as suas entregas.

Recentemente, Nuno Canta, presidente da Autarquia e a vereadora Maria Clara, juntaram-se a Fernando Caria, presidente da Junta de Freguesia do Montijo e Afonsoeiro, para sentirem a resposta emotiva e generosa da população.

Importa sublinhar que na passada sexta-feira um camião foi ao espaço carregar medicamentos e material de apoio aos militares, como roupas quentes, botas e roupa interior, para por sua vez, seguir de avião, no percurso Lisboa- Aeroporto de Lviv.

Foto: CM Montijo

Este fim-de-semana saiu também da região um autocarro rumo à fronteira com a Polónia, com o objetivo de trazer mulheres, idosos e crianças, sobretudo que estejam em especial situação de debilidade.

Nuno Canta frisou a “importância deste apoio numa altura muito complicada”, e lembrou que “todos os esforços têm de se manter unidos”. O autarca aproveitou para explicar que “a Autarquia tem vindo a preparar planos de apoio em conjunto com as escolas da região, de forma a assegurar lugar nas escolas para os meninos e meninas que possam vir para o Montijo, e tentar da melhor forma, integrar estas pessoas, que numa altura como esta, precisam do apoio de todos nós”.

Se quiser ajudar neste conjunto de campanhas, poderá deixar as suas doações no antigo restaurante Montiagri, junto à Praça de Touros do Montijo, poderá tornar-se voluntário/a para separar ou embalar os bens, e poderá ajudar no encaminhamento das pessoas ucranianas que chegam a Portugal. Para já, é também de extrema importância pessoas que falem ucraniano, para poder fazer a ponte entre estas mulheres e crianças e os portugueses que os acolhem, e psicólogos para ir acompanhando estas pessoas.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário