Economia

Montepio com prejuízo de 51,3 milhões no primeiro semestre do ano

publicidade

O Banco Montepio fechou as contas do primeiro semestre de 2020 com prejuízos de 51,3 milhões de euros, em igual período do ano passado, a instituição bancária teve lucros de 3,6 milhões.

Os resultados foram comunicados hoje e revelam, para o banco, o “maior nível de imparidades e provisões constituídas na sequência da revisão em baixa do cenário macroeconómico devido ao impacto da Covid-19 nos agentes económicos, quer nos particulares, quer nas empresas”, indicou como motivos o banco em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Os motivos deste prejuízo devem-se ao facto do produto bancário core ter baixado 2,2% para 178,3 milhões de euros, o que para o Montepio se deve mais uma vez aos “efeitos desfavoráveis de fatores exógenos associados à pandemia Covid-19 e que determinaram menores níveis de atividade nos clientes particulares e nas empresas, e também das taxas de juro de mercado permanecerem em níveis muito baixos”.

Assim, “o desempenho da margem financeira no primeiro semestre de 2020 beneficiou da gestão sistemática do pricing dos depósitos de clientes de retalho e institucionais, onde se observou, em ambos os casos, uma redução do custo destes recursos”.

As comissões líquidas foram de 56,1 milhões de euros, uma quebra face a igual período de 2019 de 2,7%, já os resultados em operações financeiras foram de 7,2 milhões de euros.

Ao nível do crédito a clientes, neste semestre subiu 0,8%, num total de 11.554 milhões de euros, o crédito a empresas disparou para os 329 milhões de euros, “concretizando a ambição de incrementar o volume de negócios junto das PME e das empresas do “‘middle market'”.

“A proporção dos non performing exposures (NPE) sobre o total do crédito, registou uma evolução favorável do rácio NPE ao passar de 12,2% em 31 de dezembro de 2019 para 11,9% no final do primeiro semestre de 2020”, explica o Montepio.

Ler mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui