Parceiros
AtualidadeCulturaFamosos

Miguel Cristovinho responde a Fernando Tordo: “Aos 73 anos ainda não lhe deu o click do respeito, da compaixão e da tolerância”

- publicidade -

Fernando Tordo está no centro da mais recente polémica no mundo da música.

O conhecido artista português, numa entrevista, deixou duras críticas à música portuguesa feita hoje em dia, dizendo que 90% “é para atrasados mentais”.

Miguel Cristovinho, cantor e compositor da banda D.A.M.A, publicou nas suas redes sociais um texto em jeito de resposta às declarações de Fernando Tordo, dizendo que “parentemente aos 73 anos ainda não lhe deu o click do respeito, da compaixão e da tolerância”, que a expressão ‘atrasados mentais’ é “mesmo só o avôzinho xoné a falar à mesa”.

Diz que Fernando Tordo não está correto, que “existe muita música portuguesa boa, de cada vez mais estilos e que a grande maioria dos músicos, compositores e cantores, têm uma enorme dignidade”.

O cantor deixa uma nota final: “s filhos/filhas ou os netos/netas do Sr. Fernando Tordo certamente nao gostam nem ouvem nenhuma música dos D.A.M.A, ou da Carolina Deslandes, do Zambujo, do Agir, ou do Piçarra, dos Azeitonas, dos Capitão Fausto, do Prof…. Não teria caracteres suficientes para todos os nomes. Juntos por mais amor, mais tolerância e mais MÚSICA”.

Veja aqui a publicação completa:


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário