AlmadaAtualidadeMobilidade

Metro Sul do Tejo com expansão para zonas poente e nascente de Almada

- publicidade -

A garantia foi dada pelo ministro do Ambiente e da Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, que tutela os transportes urbanos, durante a audição no Parlamento, na Comissão de Economia, Inovação, Obras Públicas e Habitação.

O ministro respondia a uma questão colocada pelo deputado do PS Filipe Pacheco (eleito pelo círculo de Setúbal), e referiu que, durante o mês de fevereiro, será apresentado o relatório do estudo sobre a expansão do Metro Transportes do Sul (Metro Sul do Tejo), que atravessa Almada e Corroios.

O estudo contempla uma ampliação para poente do concelho de Almada, até à Costa da Caparica, bem como para nascente, revelou hoje o ministro

«A indicção que temos, sublinho, porque o relatório ainda não foi entregue, é que foi contemplada a expansão para poente do concelho de Almada, até à Costa da Caparica, quer para nascente.»

De acordo com o ministro, enquanto ‘Light Rail Vehicle [LRV]’, metro ligeiro, haverá procura para a sua expansão até poente, até à Costa da Caparica, para nascente não há procura que justifique um ‘light rail’, mas sim um BRT [‘Bus Rapid Transit’, na sigla em inglês], ou seja, uma via dedicada a autocarros.

No entanto, Matos Fernandes salientou, que a análise «ainda terá de ser feita», recusando que seja tomada uma decisão baseada somente em dados da procura, mas que a decisão vai ter em conta o custo da infraestrutura e com o facto de haver material circulante em excesso.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui