Parceiros
AtualidadeDistritoSetúbal

Metade das vagas por ocupar em concurso para Médicos de Família em Lisboa e Vale do Tejo

- publicidade -

O Sindicato Independente dos Médicos alerta para que no concurso para Médicos de Família aberto em dezembro de 2021 apenas foram ocupadas 32 das 66 vagas em Lisboa e Vale do Tejo. «Ou seja, foram ocupadas menos de metade das vagas.»

A nível nacional, para um total de 235 vagas e 241 candidatos, foram apenas preenchidas 160 vagas, o que significa que 81 médicos que concorreram ao concurso optaram por não escolher qualquer vaga.

«A estes, acrescem ainda os médicos que denunciarão os contratos durante o período experimental face às condições de trabalho com que serão confrontados em várias instituições do Serviço Nacional de Saúde» alerta ainda o SIM.

Mais uma vez, o sindicato aponta as responsabilidades ao ministério da Saúde que «ignorou e ignora os inúmeros alertas do SIM para a grave situação que se vive no Serviço Nacional de Saúde» e que «recusou nesta legislatura reunir com o SIM e aproveitar as propostas construtivas».

O SIM adianta também que sabe que o Ministério da Saúde está a contactar os médicos que não escolheram vaga para apurar os motivos pelos quais não escolheram vaga.

Dos motivos que levam ao desinteresse dos médicos nos Cuidados de Saúde Primários, apontam «remuneração que não é compatível com o nível de formação e responsabilidade de um médico especialista, com um salário líquido de 1.744 € por mês para 40 horas semanais; listas de utentes sobredimensionadas, com 1.900 utentes por Médico de Família quando o limite deveria ser de 1.500 utentes; ausência de normas de organização do trabalho médico, com frequente ausência de tempo do horário de trabalho alocado para inúmeras atividades para além da consulta presencial; trabalho burocratizado e centrado em dezenas de indicadores, a maioria de utilidade clínica muito duvidosa e degradação das instalações e equipamentos, incluindo equipamento informático e software adequado à prática clínica».


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário