Parceiros
Atualidade

Medicina Hiperbárica da Marinha participa em estudo inovador na área da fertilidade

- publicidade -

O Centro de Medicina Subaquática e Hiperbárica, da Marinha Portuguesa, encontra-se a colaborar na elaboração de um protocolo de ensaio clínico que visa estudar a eficácia da Oxigenoterapia Hiperbárica associada a técnicas de procriação medicamente assistida.

O ensaio é denominado Hyperbaric Oxygen in ‘poor ovarian responders’ ou, de forma reduzida, FertyOx.

A participação do Centro de Medicina Subaquática e Hiperbárica (CMSH) no ensaio surge por proposta apresentada pelo Dr. Miguel Raimundo (Médico especialista em Ginecologia e Obstetrícia, e diferenciado em Medicina de Reprodução) que se encontra a realizar investigação nesta área.

Com este ensaio clínico, o CMSH espera contribuir para um maior conhecimento do impacto da Oxigenoterapia Hiperbárica nesta área e assim poder contribuir para ajudar um maior número de mulheres que sofrem com o mesmo problema.

O Centro de Medicina Subaquática e Hiperbárica criado em 1989, foi o primeiro organismo no nosso país a utilizar a Oxigenoterapia Hiperbárica, não só para tratamento do acidente de mergulho, mas também como terapêutica co-adjuvante em diversas doenças, tanto em contexto militar como no apoio à sociedade civil.

Colabora em diversas missões operacionais de mergulho como também participa no treino dos militares.

Este centro baseia a sua prática de Oxigenoterapia Hiperbárica nas recomendações da European Underwater and Baromedical Society, entidade europeia que regula a prática desta atividade.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário