coronavírusSeixal

“Média de 433 infetados por 100 mil habitantes é muito mais do que já tivemos no Seixal”

O presidente da Câmara do Seixal, Joaquim Santos, revelou os principais dados sobre a Covid-19 no concelho.

publicidade

O presidente da Câmara do Seixal, Joaquim Santos, revelou os principais dados sobre a Covid-19 no concelho.

Na reunião camarária da passada quarta-feira, o autarca salientou que “o município tem vindo a registar mais infetados nas últimas duas semanas. Estamos com uma média de 433 infetados por 100 mil habitantes, que é muito mais do que alguma vez tivemos. No entanto, estamos também distantes da média nacional, que é de 750 casos por 100 mil habitantes”.

Significa isto que o Seixal, entre os municípios com mais de 150 mil habitantes, é dos que menos casos de Covid-19 apresenta. Joaquim Santos referiu que a autarquia tem vindo a “adaptar várias iniciativas de combate à pandemia. Estamos a apoiar o Hospital Garcia de Orta e os centros de saúde do concelho. Está a ser montado, junto ao Complexo Carla Sacramento, um hospital provisório que a Câmara adquiriu para fazer a despistagem entre o que é doença Covid e não Covid”.

O objetivo é que “este equipamento entre em funcionamento no final do mês de novembro. Esperamos que com o novo espaço, os profissionais de saúde possam continuar a atender pessoas nos centros de saúde, que têm estado no limite das suas capacidades. É um investimento de 150 mil euros”.

O presidente da Câmara do Seixal disse ainda que vai proceder-se à duplicação do centro de testes móvel na Cruz de Pau (Amora), a partir do próximo sábado. “Vai começar a funcionar com duas linhas, face ao número elevado de pessoas que lá vão”.

Numa última nota, Joaquim Santos criticou o Governo dizendo que “o que nós precisamos é de uma melhor resposta do Serviço Nacional de Saúde. Se o Hospital do Seixal estivesse construído, em vez de ter sido travado em 2012 pelo Governo, era agora uma mais valia. O Hospital Garcia de Orta está com uma grande pressão e nós, dentro das nossas capacidades, encontrámos um local e estamos a investir nesse novo equipamento de saúde para ajudar os profissionais”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui