Parceiros
Covid-19Mundo

Maior crise de covid-19 em Hong Kong leva a que pacientes sejam tratados na rua

- publicidade -

Os hospitais em Hong Kong atingiram 90% da capacidade nesta nova crise de covid-19 no território autónomo chinês, considerada a pior vaga desde o início da pandemia.

Tal tem sido o impacto que foram improvisadas enfermarias na rua para tratar de pacientes do exterior, noticia o Jornal de Notícias. Tal gestão preocupa os médicos, disse Chuang Shuk-kwan, a chefe da Secção de Doenças Transmissíveis de Hong Kong.

A situação que se vive nos hospital é de crise e que muitos médicos têm de trabalhar “24 horas por dia, não há maneira de resolver este problema”, salienta Sara Ho, da Autoridade Hospitalar.

A política de “tolerância zero” leva a que qualquer pessoa infetada seja internada ou colocada numa instalação de isolamento comunitário. Na última semana morreram 24 pessoas.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário