Famosos

Mãe de Sara Barradas burlou a própria filha, a Maria João Abreu e o José Raposo

- publicidade -

Felisbela Dias, mãe da atriz Sara Barradas, foi condenada a sete anos de prisão efetiva pelo Tribunal da Relação de Lisboa, por dez crimes de burla qualificada.

A “Flash” traz no entanto mais detalhes sobre os crimes da mulher de 48, organizadora de eventos de profissão, e com um historial de burlas que começou em 2014.

A mãe da atriz Sara Barradas convenceu Maria João Abreu, ex mulher de José Raposo e atual marido da filha, a comprar uma casa de férias na Praia da Califórnia, em Sesimbra, por 39.800 euros, que só viu por fotos.

Aliciada pela oportunidade a baixo preço transferiu para a conta bancária de Maria Emília Dias, a mãe de Felisbela e avó de Sara Barradas, 6.870€ como sinal e para custas com imposto de selo.

O crime foi descoberto no dia da alegada escritura, na sede do banco Santander Totta, quando Maria João Abreu e o marido João Soares, perceberam não só não havia um bancário e intermediário chamado Filipe Martins, como não havia casa.

O próprio genro José Raposo e a filha caíram no mesmo golpe, pois entregaram-lhe 13.417€ como sinal para a compra de cinco imóveis, muito baratos, no Parque das Nações, Quinta das Conchas e Laranjeiras. E tal, como a ex mulher Maria João Abreu, descobriram no dia da escritura que tudo não passou de um golpe.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui