CulturaNacional

Livreira Europa-América em processo de insolvência

- publicidade -

Uma das mais conhecidas editoras livreiras de Portugal apresentou hoje no Tribunal de Sintra um processo de insolvência, no qual estão também envolvidos cinquenta credores.

Nesta lista encontra-se a família Lyon de Castro, fundadora e ainda dona da empresa. Entre os outros credores encontram-se editoras, como a Gradiva, instituições financeiras, como o banco Santander, e o Estado, através do Instituto da Segurança Social, constando desde 2017 na lista de devedores a esta entidade.

A Europa-América, fundada a 29 de maio de 1945, tem actualmente uma dívida de dois milhões de euros e tem acumulado prejuízos nos últimos cinco anos, segundo o ‘Expresso’, sendo que em 2018 teve perdas de 480 mil euros e pela primeira vez viu o seu balanço entrar no vermelho, com capitais próprios negativos de 638 mil euros.


Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo