Parceiros
AtualidadeDistritoLeiriaPaís

Leiria | ACCCRO faz doação de árvores para promover a sustentabilidade ambiental

A ACCCRO – Associação Empresarial das Caldas da Rainha e Oeste em conjunto com a Câmara Municipal vão distribuir hoje à tarde, 500 árvores pelas doze juntas de freguesia do município, de modo a promover a sustentabilidade ambiental e a redução da pegada ecológica.

A ação de sensibilização e de distribuição surge na sequência do projeto desenvolvido de iluminação natalícia “Caldas, Rainha do Natal”, tendo como “preocupação constante ao longo dos anos, a redução da pegada ecológica, o que nos indicia a uma seleção criteriosa na escolha dos materiais de iluminação entre outros fatores”, sublinha a organização, em comunicado enviado ao Diário do Distrito.

O número de árvores atribuído “corresponde a cerca de 25 árvores por cada Mega Watt consumido”, aponta a mesma fonte, com o intuito de deixar ao critério de cada uma das Juntas de Freguesia, a escolha dos locais onde sejam plantadas.

“O nosso objetivo será, além da plantação das árvores e da contribuição para a melhoria do ambiente, a questão da sensibilização para as questões ambientais e ecológicas e a transformação deste ato simbólico num marco histórico associado a este projeto”, explica a ACCCRO.

Para a organização justifica avançar com dados que permitam fazer um cálculo da poupança e do incremento da sustentabilidade.

Este ano na iluminação, em peças como as bolas gigantes e pinheiros colocadas como adorno na Rua, “foram utilizadas cerca de 18.750 garrafas de plástico (+-250 elementos x 75(média) garrafas plástico/unidade instalada como decoração), que sendo recicladas deram origem aqueles objetos decorativos com utilização por vários anos”, salienta.

Com a preocupação “constante” e “consciente”, a ACCCRO e o Município das Caldas da Rainha, reduzem na energia, melhorando a eficiência energética que “também se reflete numa poupança de 14 Mega Watt, face às tradicionais lâmpadas incandescentes”, apontando que os números correspondem a uma poupança de 80% relativamente às utilizadas no evento, numa tentativa de colmatar os danos no ambiente e diminuição da pegada ecológica.

Neste contexto, o “Caldas Rainha do Natal” conta com um gasto energético ao longo dos 55 dias de luzes ligadas de 18,3 Mega Watt.

De acordo com o mesmo documento, este valor foi apurado com base nos valores dos 18 contadores espalhados pela cidade para este projeto, com leituras individuais no final do mês de novembro.

“Quer seja num cenário mais pessoal ou mais industrial, todos somos responsáveis pela diminuição da pegada ecológica do planeta, adaptando o estilo de vida pessoal ou profissional neste sentido”, conclui a ACCCRO, frisando que com esta iniciativa Caldas da Rainha associa-se à causa ambiental rumo a uma caminhada de sensibilização “a uma escala mais global”.



Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.