Parceiros
País

JUSTIÇA – Cidadãos vão poder consultar processos em tribunal online

Os cidadãos podem contar, a partir desta semana, com uma nova área da plataforma da Justiça que agrega toda oferta de serviços relacionados com os tribunais disponíveis online, incluindo a consulta dos seus processos sem necessidade de se deslocar ao tribunal.

Em https://tribunais.org.pt as partes envolvidas passam a poder aceder a todos processos judiciais, corram eles nos tribunais judiciais ou nos tribunais administrativos e fiscais.

Através dessa consulta é possível aos cidadãos acederem à informação processual que lhes é relevante – como por exemplo os atos processuais, as respetivas datas e os autores – de todos os seus processos pendentes em tribunal, dentro dos limites legalmente estabelecidos em matéria de publicidade, mediante o respeito pelo segredo de justiça.

A consulta pode ser efetuada a partir de casa ou de qualquer outro local com acesso à internet, a qualquer hora e de forma gratuita, bastando para isso fazer a autenticação com Cartão de Cidadão ou Chave Móvel Digital.

Segundo o Gabinete da Ministra da Justiça em comunicado, esta iniciativa enquadra-se no compromisso de transparência e proximidade do sistema de Justiça e teve a sua primeira fase, em Maio de 2017, com a possibilidade do cidadão consultar os seus processos executivos, tendo sido já realizadas cerca de 10.500 consultas.

A nova Área de Serviços Digitais dos Tribunais concentra todos os serviços eletrónicos do universo dos tribunais, enquadrados pela Plataforma Digital da Justiça (justica.gov.pt).

No final de 2017, o número de processos pendentes nos tribunais judiciais era o mais baixo desde 1996. Entre 2016 e 1018, o número de processos pendentes nos tribunais judiciais diminui 333.044 processos, ou seja, 25%.



Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carreguem em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.