País

JUSTIÇA – Bruno de Carvalho e Mustafá vão sair em liberdade com apresentações diárias

Bruno de Carvalho, ex-presidente do Sporting Clube de Portugal e Nuno Mendes, (Mustafá), líder da claque Juventude Leonina ficaram em liberdade mas com apresentações diárias num órgão de polícia criminal na sua área de residência, e o pagamento de uma caução de 70 mil euros, enquanto aguardam o julgamento.

A informação foi adiantada pela TVI24.

A leitura das medidas de coação estava marcada para as 10h00, mas foi adiada devido à greve parcial dos funcionários judiciais, que interromperam o serviço para se manifestarem à porta do Tribunal do Barreiro.

Ontem ambos os arguidos foram ouvidos durante seis horas, e o Juiz preferiu ponderar de um dia para o outro, segundo o comunicado entregue à comunicação social, devido à complexidade do processo.

O Tribunal do Barreiro está sob fortes medidas de proteção policial, depois de ter sido detectado uma convocatória de elementos da JuveLeo para o local, em apoio a Mustafá.



Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito
Siga-nos no Feedly, carregue em seguir (follow)


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.