País

Júlio Isidro mostra boa disposição após intervenção cardíaca

publicidade

Júlio Isidro foi esta quinta-feira hospitalizado para um cateterismo cardíaco, um procedimento cirúrgico relativamente simples que permite avaliar a permeabilidade das artérias do coração e, em caso de doença presente, desentupir os vasos cardíacos.

A intervenção cirúrgica estava agendada e foi afinal um procedimento de diagnóstico, que correu “muitíssimo bem”.

No início da noite, o apresentador, de 74 anos, reagiu a este momento na sua conta de Facebook:

“Hoje às sete da manhã, transportado pela Sandra Isidro e com o apoio da Mariana Isidro Do Carmo enquanto a Francisca Isidro em ânsias no colégio, cheguei ao Hospital da Cruz Vermelha”.

Fiz um cateterismo com angiografia, dirigido superiormente pelo eminente cardiologista Dr. Vasco da Gama Ribeiro com uma equipa de luxo. Estive sempre atento ao ecrã porque não sou menino de fazer fitas, ai que está a doer. (…) Se uma coisa é ter bom coração, outra é ter um coração bom. Eu desejo o dois em um e faço por isso”, escreveu Júlio Isidro no seu mural online.

Ao mesmo tempo, assume que não sabe o que aconteceu para que “algumas televisões” dessem a notícia “de que estava internado na Cruz Vermelha e da sequente onda tsunâmica de contactos nas redes sociais”.

“Tantas reacções inesperadas num caso que tratei discretamente porque não quero contradizer-me no meu princípio de recusar a especulação “dramatizante do artista”, afirmou o apresentador.

Em modo mais divertido, Júlio Isidro disse ainda que está “em forma” para o entretenimento em “televisão e na rádio por mais uns tempos. Mesmo para aqueles que em silêncio se interrogam : – Quando é que aquele gajo se reforma!!!”, brincou.

“Muito obrigado à Cruz Vermelha e ao público deste velho senhor”, acabou por escrever Júlio Isidro ao publicar duas fotografias do “antes e do depois” da intervenção.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui