Internacional

Itália impõe recolher obrigatório a partir de amanhã

publicidade

Giuseppe Conte, primeiro-ministro italiano, Giuseppe Conte, assinou o decreto que determina o recolher obrigatório nacional a partir das 22h00 de quinta-feira.

Outras medidas como o encerramento dos centros comerciais ao fim de semana também entrarão em vigor até 3 de dezembro. Bem como, o ensino à distância, a capacidade máxima dos transportes públicos reduzida para 50%, o encerramento de museus e exposições e a proibição de jogos de vídeo em bares e cafés.

Além dos “limites à circulação de pessoas à noite”, o país, através do Ministério da Saúde, vai distinguir “três zonas de risco” com medidas restritivas de gravidade gradual. A entrada nestas zonas de risco é limitada, só poderão entrar por motivos de saúde, trabalho ou estudo.

A distinção é feita com critérios que avaliam o índice de transmissão do vírus, a presença de focos de contágio e a taxa de ocupação de camas nos hospitais.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo

Permita anúncios

Detetámos que utiliza um bloqueador de anúncios.
Apoie o jornalismo sério e considere desativá-lo para o nosso site.
Saiba como desactivar: carregue aqui