EconomiaPaís

Inflação faz com que metade das famílias portuguesas deixam de conseguir pagar contas

Os números revelados pelo European Consumer Payment Report (ECPR), indicam que cerca de metade das famílias portuguesas estão em sufoco económico e que têm dificuldades para viver, deixando de pagar regularmente pelo menos uma das contas mensais da casa.

No estudo da Intrum, verifica-se que as famílias mais afetadas são as que estão a arrendar casa, representando cerca de 61% das famílias mais debilitadas financeiramente, logo a seguir às que têm rendimentos mais baixos (74%).

“A inflação tem um impacto tanto maior quanto menor for o rendimento disponível das famílias portuguesas. As conclusões do ECPR2022 indicam que as famílias portuguesas só conseguem poupar pouco menos de um salário para enfrentar um imprevisto sem se endividarem e têm pouca ou nenhuma margem para acomodar os efeitos da inflação que já se fazem sentir, com alimentação, habitação e transportes a levar uma grande fatia do rendimento”, explica o diretor-geral da Intrum Portugal.


ÚLTIMA HORA! O seu Diário do Distrito acabou de chegar com um canal no whatsapp
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens em parceria com a CNN no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *