Parceiros
Atualidade

Ilha de São Jorge registou hoje 700 sismos desde a meia-noite, nenhum sentido pela população

- publicidade -

Cerca de 700 sismos foram registados esta terça-feira na ilha de São Jorge, mas nenhum foi sentido desde o início da crise sismo-vulcânica que começou em 19 de março.


Os número foram hoje avançados pela Proteção Civil dos Açores,citada pela agência Lusa.


“Desde a meia-noite de hoje, o Centro de Informação e Vigilância Sismovulcânica dos Açores (CIVISA) registou cerca de 700 sismos de baixa magnitude e não foi sentido [pela população] nenhum sismo na ilha de São Jorge”, disse à Lusa Eduardo Faria, presidente Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA).


O responsável disse ainda que “apesar de a magnitude dos sismos ter reduzido ligeiramente e estar no limiar entre os sentidos e não sentidos”, as pessoas “devem manter-se atentas, não devem relaxar e devem manter as medidas de autoproteção”.


O CIVISA vai analisar a informação do Instituto Vulcanológico das Ilhas Canárias, que avança o volume estimado de uma possível intrusão de magma na ilha de São Jorge: cerca de 20 milhões de metros cúbicos, comparável ao registado pela deformação do solo antes da erupção do Cumbre Vieja, em La Palma, em 2021.


A ilha de São Jorge contabilizou mais de 20 mil sismos desde o dia 19 de março, mais de 200 dos quais sentidos pela população.


A ilha está com o nível de alerta vulcânico V4 (ameaça de erupção) de um total de sete, em que V0 significa estado de repouso e V6 erupção em curso.


Sondagem | Tem condições para acolher refugiados ucranianos em sua casa?
VOTE AQUI!
Sabia que o Diário do Distrito também já está no Telegram? Subscreva o canal.
Já viu os nossos novos vídeos/reportagens no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!
Siga-nos na nossa página no Facebook! Veja os diretos que realizamos no seu distrito

Escreva um comentário